Como escolher a plataforma de e-commerce ideal:

Como escolher a plataforma de e-commerce ideal:

Escolher uma plataforma de e-commerce ideal requer uma análise sobre as funções que o serviço oferece, relacionadas às necessidades do cliente. A questão com relação a isso é que cada cliente tem necessidades distintas e, hierarquizar os quesitos para uma análise mais precisa é o primeiro passo para saber compará-las adequadamente.

1. Entender o momento e a necessidade do negócio

O primeiro passo para fazer a escolha certa é saber em que momento o seu negócio está. Isso ajudará na seleção dos principais serviços para sua necessidade e também evitará que você arque com custos desnecessários para sua empresa. Um exemplo simples: não é necessário utilizar um sistema complexo de logística se, de acordo com a sua situação, as entregas de produtos serão feitas para clientes em um raio de poucos quilômetros.

2. Averiguar o custo para o negócio

Averiguar o custo para o negócio é ter o controle sobre o dinheiro da empresa. Todos os tipos de serviços contratos para uma loja virtual, por exemplo, são considerados custos fixos, que devem estar presentes na hora de realizar qualquer investimento.

Apesar de ser um cálculo básico para todo empreendedor, é preciso entender qual é o momento do investimento para que o crescimento seja escalonado de forma correta – é comum empreendedores arriscarem demais em um investimento acreditando num retorno maior que arcará com as despesas maiores.

Na hora de encontrar a plataforma para o seu perfil, faça a relação necessidade versus custos, pois nem sempre “a mais cara” será “a melhor” para o momento da loja.

3. Checar as funcionalidades imprescindíveis

Quando se trata de plataforma de e-commerce, algumas funcionalidades são essenciais. Forma de pagamento, segurança, formatos de vitrine, compatibilidade com SEO, layout responsivo e tantas outras. Para o empreendedor, é preciso conhecer tais funções, e identificar o que é essencial para o seu negócio (e também para o momento do negócio).

4. Enquadrar a plataforma no momento da loja (se inicial, se transitória para uma evolução, se permanente)

Uma plataforma de e-commerce robusta é a garantia de ter uma grande variedade de funções, uma ótima qualidade de serviço e, quase sempre, um custo mais elevado. O triunfo de um empreendedor é saber em qual momento o seu negócio está para conseguir contratar um sistema compatível com a sua realidade.

5. Suporte

Não importa qual é o tamanho da sua loja, o suporte técnico é essencial. Por mais perfeita que uma plataforma de e-commerce seja, sempre haverá dúvidas, possíveis correções e também novas necessidades de acordo com o crescimento do negócio.

Deixe uma resposta

Design Responsivo

Marketing Digital

Google Adwords